Lidar com o stress

O importante é começar

Posted on: Abril 16, 2009

Adiar fazer as coisas sempre foi um hábito meu. Porque tinha outras coisas para fazer, porque arranjava outras coisas para fazer, porque precisava de descansar, porque, porque, porque… O número de desculpas para fazer qualquer outra coisa menos o que tinha a fazer é elevado.

Quando escrevi Organizar o dia ajuda a lidar com o stress não sabia que estava usar uma técnica para lidar com esse hábito.

Não consegui cumprir o horário que defini porque enchi o dia de actividades. Fazer isso, encher o horário, fez-me sentir ainda mais sobrecarregada e o resultado foi não cumpri-lo.

Mesmo assim ajudou-me muito: apesar de não fazer o que estava indicado, na hora indicada, faço pelo menos 2 dessas coisas.

Escolho as tarefas mais importantes para fazer nesse dia e faço. Comecei a aplicar isso ao trabalho e a produtividade tornou-se maior.

Descansar as 3h por dia foi difícil ao príncipio mas agora consigo. Normalmente é uma hora repartida pelo dia ás refeições (que também já faço com a regularidade devida) e  2 horas á noite antes, durante e após o jantar. Aproveito para lavar a louça do jantar, guardá-la, ver a telenovela (sim, eu vejo a telenovela e admito que é um excelente descanso mental).

Ás vezes tenho visitas e ponho-me á conversa mas não pensem que prolongo o tempo de descanso com a conversa. Quando sinto que está na hora, peço desculpa e peço ás pessoas para sair porque tenho coisas a fazer.

Não é mau da minha parte, é bom estar com os outros mas não deixo que isso prejudique a minha vida. Só vêem cá amizades de há muitos anos que me conhecem bem e apesar de, talvez, não gostarem quando as convido a sair, sabem que se o faço é porque está na hora.

Sinto-me melhor comigo mesma. A sensação de dever cumprido é poderosa. Apesar de não estar tudo feito (não sei se vai estar algum dia porque vai haver sempre coisas para fazer), as coisas vão sendo feitas. Cada uma que termino dá-me uma sensação de alívio, como se tivesse tirado um peso de cima.

Creio que é por causa disso que ando a acordar mais cedo:  não sinto peso na consciência por não ter feito o que devia. Deito-me entre a meia-noite e as 2, 3h da manhã mas ando a acordar, sem despertador, ás 08:30h da manhã! Eu sempre precisei de 10h para descansar e mesmo assim acordava cansada. Agora acordo bem.

Uma semana foi suficiente para mudar um hábito de anos!

Foi muito importante ter começado a organizar-me. Li recentemente um artigo que reflecte o que eu fazia e dá boas dicas para lidar com a procrastinação: Pare de empurrar com a barriga. Espero que seja útil.

Você  já começou uma coisa hoje?

Etiquetas:

2 Respostas to "O importante é começar"

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: